Toty Sa’Med é um cantor, compositor e multi-instrumentista angolano. A sua marca única de afro-jazz e neo-soul ajudou a trazer a música tradicional africana para a vanguarda da cultura de hoje, através de composições criativas e de um som que tanto é inspirado em nomes como Bonga e Paulo Flores, como em D’Angelo. Em 2016, Toty lançou “Ingombota”, um EP intimista que se debruça criativamente sobre clássicos do cancioneiro angolano, co-produzido por Kalaf Epalanga. “Namoro”, a última faixa desse EP, foi reconhecida como o melhor tema afro-jazz pela Rádio Luanda. Desde então Toty tem desenvolvido várias parcerias com artistas como Aline Frazão, Dino d’Santiago, Bateu Matou, Cristina Branco, Sara Tavares e até José Eduardo Agualusa, com quem compôs a canção-título do álbum “Moura”, da fadista Ana Moura. Em 2019, lançou o single “Maldita”, uma canção que transpira Luanda e Rio de Janeiro, com Domenico Lancellotti na bateria. Durante os longos períodos de isolamento que a pandemia trouxe em 2020, Toty Sa’Med escreveu e gravou o seu primeiro álbum a solo, com lançamento previsto para o outono de 2021. “Maldita” é o single que nos faz querer ouvir mais e é certamente um dos temas que vamos poder ouvir dia 10 de setembro, no NOSSA LISBOA.